Category: NATUREZA


MICOS TIDOS COMO INVASORES SÃO TRANSFERIDOS DO RIO PARA A BAHIA

por Betho Flávio
 

6 DE ABRIL 2013

n3 Diáspora: micos tidos como invasores são transferidos do Rio para a Bahia

Encontro das duas espécies pode gerar disputa por comida e áreas. Foto: Emerging Birder

Uma operação inédita no País está removendo os micos-leões-da-cara-dourada de Niterói, no Rio de Janeiro, para Belmonte, cidade situada no sul da Bahia identificada como habitat natural da espécie. A transferência é baseada em estudos que identificaram essa como a melhor maneira para evitar que os primatas se encontrem com a espécie nativa da região, o mico-leão-dourado.

A iniciativa já capturou 104 espécimes: 66 foram transferidos para a Bahia e o restante está sob suspeita de doenças.

Os pesquisadores temem que o encontro entre os dois grupos possa prejudicar a manutenção de ambas as espécies. Segundo eles, o processo obedece a protocolo recomendado por instituições internacionais de proteção animal. A suspeita é que os micos-leões-da-cara-dourada foram introduzidos acidentalmente em Niterói.

A iniciativa, iniciada em 2011, já capturou 104 espécimes, mas somente 66 foram transferidas para a Bahia. O restante, que apresentou suspeita ou confirmação de doenças, está em quarentena (17) ou em cativeiro (24). Os especialistas calculam que já retiraram metade dos invasores da região e devem capturar todos até o final do ano.

Adaptação

No início do mês, de acordo com os coordenadores do programa, os primeiros filhotes dos grupos soltos foram observados na Bahia – sinal de que os indivíduos estão se adaptando bem à nova área.

O programa de remoção é conduzido pelo Instituto Pri-Matas em parceria com o Centro Nacional de Pesquisa e Conservação dos Primatas Brasileiros (CPB/ICMBio), Secretaria do Ambiente do Rio de Janeiro, Instituto do Ambiente do Estado do Rio de Janeiro (Inea) e secretarias municipais de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Sustentabilidade e de Educação de Niterói.

* Publicado originalmente no site EcoD.

 

Nome popular: flamingo do Norte, ganso-do-norte, ganso-cor-de-rosa, maranhão.
Os flamingos são aves pernaltas, de bico encurvado, que medem entre 120 e 140 cm. A sua plumagem pode ser bastante colorida em tons de rosa vivo. São animais que se alimentam de algas e pequenos crustáceos através de filtração.

Flamingo americano (Phoenicopterus ruber) é uma grande espécie de flamingo intimamente relacionado com o Flamingo Grande e flamingo chileno. 

Antigamente, era considerado da mesma espécie com o Flamingo Grande, mas que o tratamento é agora amplamente visto (por exemplo, British American ornitólogos e Sindicatos), tal como incorreto devido à falta de provas.

Também foi conhecido como o Flamingo do Caribe, mas a presença da espécie em Galápagos faz com que o nome problemática. O Flamingo americano mede 120-140 cm de comprimento, os machos pesam 2,8 kg (6,2 lb) e as fêmeas 2,2 kg (4,9 lb) kg.

A maioria de sua plumagem é cor de rosa, dando origem ao seu nome anterior do flamingo rosado e adultos a partir da diferenciação muito pálida Flamingo. A parte superior das asas são vermelhas, e as penas de voo primárias e secundárias são negras. É só o flamengo que naturalmente habita a América do Norte. Sua expectativa de vida de 40 anos é um dos mais longos em aves.

Alimentação

O flamingo alimenta-se de pequenos crustáceos, peixes e bivalves, razão pela qual procura as zonas onde a água tem pouca profundidade e as zonas de lama ou sapais.

Reprodução

Como todos os flamingos, que estabelece único ovo em um monte de lama, entre maio e agosto; incubação até a eclosão leva 28-32 dias, ambos os pais ninhada dos jovens por um período de até 6 anos quando eles atingem a maturidade sexual.

Habitat e Distribuição Geográfica

Flamingos Rubros habitam na Ilhas Galápagos , litoral da Colômbia , Venezuela e ilhas próximas, além da Guianas e Cabo Orange no Brasil . Também na península de Yucatán do México e no norte do Caribe , em Bahamas , Hispaniola , Cuba e as Ilhas Turks e Caicos .

A maioria dos avistamentos no sul da Flórida são geralmente considerados fugitivos, embora pelo menos uma ave em faixas na península de Iucatã tenha sido avistado no Parque Nacional de Everglades , e outros podem ser andarilhos de Cuba.

Os seus habitats preferenciais são semelhantes ao de seus parentes: salina lagoas , lodaçais , e rasas salobras ou lagos costeiros. Exemplo de habitat específico nos manguezais da região do Yucatán.

 

Fonte: Zoovirtualbr

tem a ver comigo

por Betina Siegmann

InterNey Consultoria

Consultor de Marketing especializado em Conteúdo, Eventos e Redes Sociais

Arquivos da Amanda

Blog antigo da Amanda Vieira

Luíz Müller Blog

Espaço de divulgação de textos e ações que defendem trabalho decente no Rio Grande e no Brasil

silvio.evanni's Blog

"O HOMEM DEPENDE DO SEU PENSAMENTO" - Informação; Política; Saúde; Cultura; Esporte; Turismo...

queerlandia

Different from the norm

Alexandre Melo Franco de M. Bahia

Constituição, Direitos Fundamentais, Diversidade.....

ALÔ BRASIL

O caminho para sua salvação é saber a verdade..

Joelson Miranda

ITAQUAQUECETUBA/SP

Para além da aula: blog do Professor Celso

Orientações e dicas para os estudantes do Ensino Médio

Blog do murilopohl

A serviço do PT, Democrático, Socialista e Revolucionário

RC TV Interativa

Jornalismo Verdade

Enseada Turismo

Sua agência virtual

Blog do EASON

Política, Música & Outros Papos

Poemas e contos da anja e para anja

poemas e contos sensuais e eróticos

following the open way

commenting the content of "The open way"

Mamilus de venus

TOQUE PERTUBADO NA MENTE SUTIL

nadandonapororoca

Just another WordPress.com site

lolilolapt

Just another WordPress.com site

%d blogueiros gostam disto: