Cícero grita na sepultura depois de saber de Fux

por noreply@blogger.com (EUCLIDES VIEIRA DE SANTANA)
 

Cícero grita na sepultura depois de saber de Fux

por O TERROR DO NORDESTE O ministro do STF Luiz Fux. Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF (22/11/2012)

 

Vou repetir Cícero, num célebre discurso contra Catilina: “O tempora, o mores”. Cícero, nesse discurso, deplora a perfídia e a corrupção da sua época.   Pois bem, em outros tempos,– e no nosso Brasil–, não tínhamos um comportamento igual ao do atual ministro Luiz Fux. No popular, Fux vendeu a alma para conquistar uma cadeira no Supremo Tribunal Federal. Procurou de José Dirceu a Pedro Stedile, sem deixar de passar pela Fiesp.     Certa vez, o ministro Vitor Nunes Leal, grande jurista, emérito processualista e cassado pela ditadura militar, foi indagado sobre a escolha de ministros para a Corte excelsa.     Depois de explicar os requisitos constitucionais Vitor Nunes Leal, com relação aos pretendentes, deixou uma lição que o ministro Luiz Fux não considerou: Não se pede e nem se oferece para ocupar uma cadeira no Supremo Tribunal Federal. E o escolhido não deve recursar.     Pano rápido. “O tempora, o mores”.     Wálter Maierovitch   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  2 horas atrás

Depois esses tucanos corruptos dizem que Dilma antecipou o debate eleitoral

por O TERROR DO NORDESTE Aécio vai vencer uma grade de cerveja e uma porção de pó cheiroso.

   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  4 horas atrás

A última de Zé Serra

por O TERROR DO NORDESTE 
:  Lá vem Serra de novo escrever merda.Segundo o sanguessuga, “a direção do PT, partido que levou o uso do caixa 2 ao paroxismo na vida pública brasileira, apresenta a solução do financiamento público para combater o… caixa 2! Pretende assim, diante da opinião pública e de sua militância menos informada, maquiar a própria história. Mas isso é só uma patranha. O golpe estava em outro lugar”.Mas veja só:José Serra, um vagabundo que é acusado de fazer caixa dois, via Paulo Preto, para a sua campanha à presidente em 2010, que é acusado de ter recebido R$ 9 milhões da Lista de Furnas, que é acusado de fazer caixa dois na sula eleição para senador, que se envolveu até o talo com o Esquema dos Sanguessugas, que praticou toda sorte de corrupção segundfo o livro Privataria Tucana, que tem uma filha sócia de uma sorveteria avaliada em R$ 100 milhões, que foi chamado pelo seu ex-amigo Flávio Cunha  de corrupto falando mal do PT por conta de caixa dois.Este espaço é pequeno para eu mostrar todas as safadezas do bolinha de papel.Outra coisa: militância mal informada é a do PSDB, que tem no PiG a sua fonte de informação, a militância petista é bem informada, não debate tendo como fonte de informação o PiG.Serra tem mais é que se foder.

27 minutos atrás

porcelana chinesa na moda

por noreply@blogger.com (EUCLIDES VIEIRA DE SANTANA)
 

porcelana chinesa na moda

por diana guerra 
Para a edição especial deste ano, a Lacoste convidou o artista chinês Li Xiaofeng para “costurar” peças feitas de porcelana. Ele cozeu a cerâmica, deu forma às peças, pintou-as e, depois, desfê-las em peçados para coser um polo da marca francesa. 
Ler o artigo completo

28 minutos atrás

Psy lança ‘Gentleman’ na intenção de bisar fenômeno de ‘Gangnam style’

por noreply@blogger.com (EUCLIDES VIEIRA DE SANTANA)
 

Psy lança ‘Gentleman’ na intenção de bisar fenômeno de ‘Gangnam style’

por Mauro Ferreira  Cantor da Coréia do Sul que ganhou instantânea fama mundial ao postar no YouTube em 15 de julho de 2012 o clipe da músicaGangnam style, o rapper Psy – nome artístico de Park Jae-Sang – lançou nesta quinta-feira, 11 de abril de 2013, seu primeiro single após ter se tornando um fenômeno via internet por conta do 1,5 bilhão de visualizações do vídeo de Gangnam style. Em rotação a partir desta quinta-feira, 11 de abril de 2013, Gentleman segue a linha dançante de Gangnam style, misturando a batida do tecno com a levada do k-pop – nome do pop sul-coreano. Gentleman  vira clipe em data não divulgada pela gravadora YG Entertainment. Já a gravação da música vai estar disponível para venda no iTunes a partir de amanhã, 12 de abril.  Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  11 horas atrás

Pitty festeja dez anos de seu álbum de estreia com edição em vinil roxo

por Mauro Ferreira  Os dez anos do álbum de estreia de Pitty – Admirável chip novo, produzido por Rafael Ramos e lançado em abril de 2003 pela gravadora Deck – estão sendo festejados neste mês de abril de 2013 com a reedição do disco em vinil roxo de 180 gramas. Fabricado pela Polysom, o vinil repõe em foco um disco bem-sucedido – de título que aludia ao livro Admirável mundo novo, do escritor inglês Aldous Huxley (1894 – 1963) – que logo emplacou músicas como Máscara e Equalize, marcando a forte veia autoral da cantora e compositora, roqueira de origem baiana.

28 minutos atrás

M U Z A – http://www.muza.com.br/Casamento gay deverá ser legalizado, em breve, no Uruguai. Senado do país aprovou.

por noreply@blogger.com (EUCLIDES VIEIRA DE SANTANA)
 

Minas Trend Preview: Alexandre Herchcovitch, Cris Guerra e outros protestam contra Marco Feliciano

por noreply@blogger.com (Valmique)

Cris Guerra

Alexandre Herchcovitch



Começou ontem, em Belo Horizonte, um dos eventos de moda mais importante do estado de Minas Gerais: o Minas Trend Preview. 
O que você talvez não saiba, é que na festa de lançamento do evento, realizada ontem, os fashionistas de plantão mandaram singelos recados contra a permanência do deputado pastor Marco Feliciano na presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias.  
Como ficamos sabendo disso? Simples: nosso querido, antenado e fashion site Natália Dornellas, ND para os íntimos, revelou a novidade e divulgou diversas fotos feitas por Mari Castro. 
Acima e abaixo, você pode ver algumas imagens, incluindo personalidades como Alexandre Herchcovitch e Cris Guerra. No ND você pode ver outras fotos-protestos e, claro, acompanhar uma cobertura completíssima do Minas Trend Preview.
Em tempo: o Minas Trend Preview é um evento criado para fomentar as vendas da indústria de moda mineira. Com o objetivo de mostrar em primeira mão as tendências da moda, ele se tornou um dos principais eventos de pré-lançamentos e alterou o calendário da moda brasileira. Hoje, é visto como um importante espaço de geração de negócios. Um evento que promove o intercâmbio de conhecimento e a integração de profissionais, estimulando assim o crescimento e a organização do setor de moda mineiro.

As modelos Fabi Mayer e a angel da Victorias Secret Lais Ribeiro

 Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  9 de Abril de 2013 17:00

ColunaZs – “Igualzinho o meu e o seu!”

por noreply@blogger.com (Valmique) 

Daniela Mercury, que já era uma das grandes divas brasileiras, se tornou símbolo da luta pela igualdade. Nem é preciso repetir a história toda. A maneira como Daniela se tornou símbolo instantâneo é sensacional. Uma declaração de amor. Uma declaração simples. Nada mais. 
Em momentos como este a importância do posicionamento fica evidente. 
Obviamente que quando eu, ou você, nos posicionamos, o resultado é diferente do da Daniela. Mas não perde a importância. É tudo uma questão de ter impacto positivo e não do tamanho do impacto. 
Meus textos podem te ajudar em algum aspecto, você pode ajudar sua família, um amigo. Um professor pode ajudar seus alunos. Impactar fortemente uma pessoa pode trazer mais benefícios do que alcançar várias. 
A importância casos como o de Daniela está na discussão pública. Com uma simples declaração de amor, ela fez o assunto para em capas de revista, pessoas discutirem e compartilharem. A partir do que ela fez, é provável que algumas pessoa tenham tomado coragem para fazer o mesmo, ou para falar a respeito, refletir, repensar. 
Nos posicionar, falar sobre o que acreditamos, questionar. Essencial para se criar alguma mudança. O mundo não se muda sozinho, naturalmente. A mudança é feita por nós, pois esse mundo é feito por nós. 
Um grande obrigado para Daniela Mercury, por declarar seu amor. Obrigado, pois você fortaleceu a discussão da forma mais linda. 
E um obrigado a você, que tem coragem de discutir, de causar algum impacto. 
E se você ainda não se posiciona, talvez seja hora de pensar a respeito. 

 *Becha Má é twittera toda trabalhada no veneno purpurinado. The bitch says: follow my ass!  
 Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  9 de Abril de 2013 11:10

Rapper Snoop Dogg (atual Snoop Lion) diz que mundo do rap não é para gays

por noreply@blogger.com (Valmique) 

Mais algumas declarações controversas… desta vez, vindas do rapper Snoop Dogg, ou Snoop Lion, como é conhecido atualmente. Em entrevista ao The Guardian declarou sobre certa inviabilidade gays no mundo do rap, para isso citou Frank Ocean, uma das revelações da black music e que, recentemente, declarou ser homossexual:
“Frank Ocean não é rapper. É cantor. É aceitável no mundo dos cantores, mas no mundo do rap não sei se em algum dia será aceitável, porque o rap é muito masculino… é como um time de futebol. Você não pode estar em um vestiário cheio de machões e de repente dizer: ‘Ei, cara, eu gosto de você’. Vai ser difícil”,
Entretanto, o rapper declarou ser a favor do casamento gay nos Estados Unidos e diz não ter preconceito: 
“Não tenho problema com os gays. Até tenho amigos gays”,
Curiosamente, Snoop sempre colabora com cantoras queridas pelo público gay, como Katy Perry (imagem acima) e, recentemente Miley Cyrus na música “Ashtrays and Heartbreaks” da cantora. Ouça no player abaixo:

Com informações de O Globo  Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  8 de Abril de 2013 11:19

Hoje tem programa do Muza na rádio UFMG Educativa

por noreply@blogger.com (Valmique) 

People! Como sabem, o Muza está com um programa semanal na Rádio UFMG educativa: Momento Muza! Isso mesmo! A locução é do jornalista responsável pelo Muza, o Valmique. 
Logo mais, às 14h30, sintonize na frequência 104,5 FM ou acesse o site da rádio e como cantaria Madonna… Turn Up The Radio! 😉
Comentários, críticas e sugestões são super bem-vindos! Quer enviar sugestão de assunto ou música? Envie e-mail para contato@muza.com.br e coloque no assunto “rádio’. Ou simplesmente, deixe seu comentário abaixo!
Hoje falarei, inevitavelmente, da divulgação feita por Daniela Mercury sobre seu relacionamento com outra mulher. Não tem como não falar desse assunto! 😉
Abaixo, você pode ouvir a última edição do programa, no qual fiz uma reflexão sobre as declarações preconceituosas contra os gays da cantora Joelma e coloquei uma música da Alanis Morissette relacionada ao assunto… isso mesmo! Aperte o play! 😉   
 Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  7 de Abril de 2013 17:37

+ Daniela Mercury: nas capas de revistas semanais e programa de TV

por noreply@blogger.com (Valmique) 

O assunto Daniela Mercury e seu relacionamento com outra mulher continua em pauta e destaque no Brasil. Como podem ver acima, ela e sua relação são capa de duas importantes revistas semanais brasileiras:
Na Veja, a chamada é: Casamento Gay – a cantora Daniela Mercury apresenta sua esposa e faz da união homossexual uma questão inadiável no Brasil. 
Na Época, a chamada diz: “Com a Bandeira Gay – Daniela Merciry transforma em protesto político o ato de assumir seu lado homossexual”, além de trazer um depoimento da cantora: “Eu me sinto como todo mundo. Comuniquei o meu casamento para usufruir minha liberdade”.
As revistas liberam em seus respectivos sites trechos da matéria. A Veja divulgou parte da entrevista com a cantora, na qual ela revela como seu pai e filha reagiram à notícia e a influência de Marco Feliciano, na presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minroias, em sua decisão:
“Claro que esse contexto político, a inadequação desse deputado ao posto, tudo isso me deu força”. 
Minha filha de 15 anos perguntou se eu estava feliz e eu disse que sim. 
Clique aqui para ler o trecho completo.
Já a Época, divulgou a introdução da matéria, que traz depoimentos de Daniela e de sua companheira, a jornalista baiana Malu Verçosa. Além de relacionar a situação atual no Brasil e Estados Unidos referentes ao reconhecimento dos direitos civis das uniões homossexuais.
“O apoio dos brasileiros mostra que somos um povo avançado e civilizado. E mais uma vez os brasileiros mostraram que Feliciano não nos representa”, afirmou a cantora, em entrevista a ÉPOCA…. Em momentos assim, o ato individual, feito em público, torna-se político. Ao declarar seu amor para todos que quisessem saber, Daniela fez política… Estrela da música pop nacional, ela é provavelmente a primeira celebridade de seu tamanho a assumir-se gay com propósitos políticos.
Clique aqui para ler o trecho completo.
EM TEMPO: Hoje também será exibida no programa Fantástico, da Rede Globo, uma entrevista exclusiva com a cantora. No trecho divulgado, ela questiona: “Se isso é importante para mim, se eu estou apaixonada por uma mulher, por que não viver isso?”. Clique aqui para ver o trecho. Assim que for liberada a entrevista completa, atualizaremos esse post.    Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  7 de Abril de 2013 16:05

Rucapitulando: Aquele do “mi chica latina” (nono episódio do RuPauls Drag Race)

por noreply@blogger.com (Valmique) 

“gonna love you, you’re a superstar”
Atenção: Este texto contém spoilers do nono episódio de RuPaul’s Drag Race, quinta temporada. A série é exibida no Brasil por alguns canais de TV a cabo, mas é possível encontrar links para ver por streaming internet afora. Há ótimas fan-pages no Facebook sobre o programa com dicas ótimas de onde ver!  
Anteriormente, em RuPaul’s Drag Race: as drags criaram uma fragrância com todas as características delas, e ainda tinham que bolar o conceito, produzir os comerciais e bolar todo um lançamento. Claro que foi um show de horrores, que terminou com Alaska ganhando o desafio e Ivy Winters dando tchau para Jinkx e a competição. 
Duas semanas sem episódios de RuPaul’s Drag Race serviram para eu trocar ideias com os amigos que também assistem essa delícia. Conversamos sobre as favoritas, os desafios e sobre quem vai chegar na final. Todo mundo foi unânime em colocar a Jinkx como favorita ao prêmio, e muita gente justificou utilizando o sistema de cotas da RuPaul. Explico: uma das críticas mais constantes que RuPaul’s Drag Race e o RuPaul recebem é que o programa sempre é composto pelos mesmos tipos, que são, muitas vezes, minorias dentro do movimento gay. Então sempre rola uma latina, uma plus size, a negra, a de vida sofrida… E, analisando o histórico do programa, a RuPaul sempre tenta premiar integrantes dessas cotas. Na primeira temporada, a ganhadora era do Camarões; na segunda, uma afro-americana; Raja, ganhadora da terceira, tinha origens na Indonésia; e por fim, Sharon Needles, na quarta, era a gótica, a estranha. Das cotas ainda não preenchidas (latinas, plus sizes, comediantes e drags que participam de concursos de beleza), apenas as plus sizes e comediantes ainda tem representantes no programa. Isso se levarmos em conta que a Roxxxy é uma plus size, mesmo tendo perdido vários quilos.  
De todas, entretanto, Jinkx é a que parece ter mais chances nesse sistema de cotas. É a comediante que mais ganhou atenção e, parece, admiração do público desde Pandora Boxx, uma das drags mais competentes do programa, participante da segunda temporada (inclusive, quando ela foi eliminada, vários sites criticaram muito a decisão do RuPaul, alegando que Pandora era a melhor competidora daquele elenco). 
Não consigo ver a Jinkx como favorita. Ela é de fato muito competente e tem um diferencial para as outras, que é pensar bastante na execução dos desafios e se dar ao máximo para realizá-los. Mas mesmo assim, não a vejo como a ganhadora dessa edição. Acredito que Alaska e Roxxxy tem as mesmas chances que ela, e só precisam pensar mais antes de agir (Alaska já começou a fazer isso, tanto que se desligou da Roxxxy e da Detox para poder brilhar sozinha). 
No mini-desafio dessa semana, as drags foram convidadas a participar do “The crying game”. Deveriam sentar em roda e contar uma história comovente, simulando um choro. Todas elas focadíssimas no desafio, tentando derramar lágrimas e mais lágrimas, quando Detox começa a contar do ex-namorado falecido. Fez como a Roxxxy no lipsync, quando ela contou da mãe que a abandonou, e começou a falar enlouquecidamente sobre o caso. Acabou fazendo todas as outras ficarem com os olhos marejados e, óbvio, ganhou a prova junto com Alyssa. 

Para o desafio, as bonitas foram dispostas em dois times (Alyssa, Coco e Jinkx conta Detox, Roxxxy e Alaska), e tinham que estrelar uma novela latina, cheia de personagens fortes, reviravoltas e  toda aquela pegada que já estamos acostumados a ver em Marias do Bairro, Usurpadoras e similares. Para ajudá-las na cena, RuPaul convidou Wilmer Valderrama, que eu nunca tinha visto, mas dei um google e descobri que é mais um latino fazendo o latino em produções da TV americana. Nada demais. O choque dessa prova foi, claro, Alyssa ter que escolher Coco como parceira, já que era a última opção. As duas ainda não se falam muito bem e eu acho ótimo porque aumenta a tensão no ateliê, todo aquele climão no ar. 


O desafio foi apenas legal, os dois times criaram cenas bem medianas, sendo que o time da Detox se esforçou um pouco mais, ou tinha uma experiência maior com o assunto. Roxxxy foi incrível fazendo a filha, Alaska estava muito divertida como a mãe megera, e Detox como a empregrada cheia de segredos. No time da Alyssa, apenas Jinkx mostrou a que veio, enquanto as outras duas ficaram apagadíssimas. Jinkx manteve o nível lá em cima, a voz parecida com a das novelas e deixou a personagem interessante, caso estivesse dentro mesmo de uma telenovela.
A essa altura do campeonato, é muito mais fácil falhar porque a quantidade de rivais é menor, então os erros passam a gritar mais  quando acontecem. E parece que Jinkx não tem medo de se perder, porque ela vai com tudo nos desafios. Vide o look de caveira do desfile. RuPaul pediu para as drags irem com um modelo latino que gritasse “extravaganza”. Enquanto as outras apostaram em elementos étnicos, com sombreros, maracas e roupas cheias de babados, Jinkx usou um look que remete ao “Dia de los muertos”, tradicional feriado mexicano. Poderia ter sido um erro terrível, mas foi um enorme acerto, tanto é que ela foi eleita a vencedora da semana. 

As duas piores foram Alyssa e Coco, o tão aguardado choque de monstro da temporada. E, seguramente, foi um lipsync memorável. Coco mostrando toda sua experiência de dublagem, repetindo cada palavra da música, enquanto Alyssa usava todo o palco para sua performance. É possível que jamais veremos uma precisão na dublagem como a de Coco e muito menos um salto em pirueta caindo no espacate, como o dado por Alyssa. Depois de três desafios seguidos como uma das piores da noite, Alyssa foi mandada embora. 
A vitória de Jinkx só aumenta suas chances de chegar à final. Contando com a sorte e com o sistema de cotas da RuPaul, é possível, inclusive, que ela ganhe o título. Não seria de todo ruim e, nessa temporada com drags oscilando o tempo todo, seria uma boa ter como campeã uma bonita que tem um talento um pouco mais constante. Mesmo que ela dê umas cochiladas de vez em quando!  
 Texto de Flavimar Dïniz. Ele está na internet desde 1999, quando sofria com conexões discadas e downloads a 3.4 kbps. Começou no mundo dos blogs em 2002 e não entende como não ficou rico com internet igual a tantos outros de sua geração. Adora música, cinema, literatura e jornalismo, sua formação profissional. Escreve sobre o ele achar que dê um texto de mais de 140 caracteres.    Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  6 de Abril de 2013 17:16

Daniela Mercury fala sobre a decisão de divulgar seu relacionamento com outra mulher (veja o vídeo)

por noreply@blogger.com (Valmique) 

 Sem dúvida, o assunto mais comentado da semana foi a declaração de Daniela Mercury de estar vivendo um relacionamento com outra mulher. Mas desde a publicação no instagram, com imagens do casal, ela não se pronunciou sobre. Apenas um breve comentário ao site G1: 
“Sou apaixonada por Malu, pelo Brasil, pelas liberdades individuais. Eu acho que conquistas a gente não pode esquecer. Não podemos andar para trás, como os ‘felicianos’ da vida!”, 
Mas hoje, sábado, 6 de abril, em entrevista também ao site G1, em um vídeo de quase 8 minutos, ela falou sobre a decisão de tornar público seu relacionamento com a jornalista baiana Malu Verçosa.
No vídeo ela comentou sobre a divulgação: “É um alívio, uma sensação de liberdade, de dignidade, que nos fez nos amarmos ainda mais e estarmos convictas de que era isso que tinha que ser feito”.
Daniela também revelou que já viveu alguns relacionamentos com outras mulheres, mas rapidamente e “quando isso se tornou algo importante a ponto de se tornar uma relação de esposa, eu achei que isso tinha que ser claro”. Ela também reforçou a importância e diferença de sua vida artística e pessoal: “”Eu não tenho costume de expor minha vida íntima. Eu sou uma artista há muitos anos e a minha arte é que importa”. A cantora ainda ressaltou que seus filhos – ela tem 5, sendo 3 adotivos – já sabiam de seus relacionamentos com outras mulheres.
Na entrevista ela também esclareceu que não está casada no papel, mas “a gente tem alianças nas mãos, alianças no coração e vamos, a partir de agora, viver uma vida juntas”.
Daniela também está ciente de que, a partir de agora, ela pode se torna um símbolo e ícone das luta pelos direitos dos homossexuais: “Talvez me tornando um ícone de afirmação desse direito, eu naturalmente vou ser convidada a fazer algumas ações em defesa desses direitos. Estar fazendo o que nós estamos fazendo, saindo na rua com dignidade, uma do lado da outra, podendo não ter dúvidas de que somos casadas, está sendo um ato político equivalente a muitos outros momentos da história, como queimar sutiãs e se assumir divorciadas”.
Abaixo, você pode ver o vídeo na íntegra: uma verdadeira aula de cidadania e direitos humanos. Clique aqui para ver, caso seja retirado do ar.
   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  6 de Abril de 2013 13:44

Joelma: nota oficial e vídeo “explicando” suas declarações e filme sobre Calypso pode não ser cancelado

por noreply@blogger.com (Valmique) 

Desde que veio a público as declarações ofensivas de Joelma, do Calypso, contra os gays que ela não deixou de ser assunto. Ainda mais, quando ela quis se explicar e complicou ainda mais. Agora, a cantora gravou um vídeo para afirmar que não comparou os gays com drogados. No Facebook oficial ela escreveu quando divulgou o vídeo: “Meus amores, fiz esse vídeo explicando pra vocês sobre minha declaração. Apesar de saber que estão comigo, precisava dizer o que realmente aconteceu. Obg pelo apoio e confiança de sempre. Bjo, Jô”. Obviamente, como ela postou nas redes sociais, surgiram diversos comentários criticando as falas e atitudes dela.

A Assessoria da Banda Calypso também emitiu uma nota oficial sobre as declarações de Joelma, que você pode ler na íntegra, abaixo:
“- Foi publicada neste final de semana, em revista de circulação nacional, entrevista com a cantora, na qual constam declarações que não refletem o pensamento de Joelma. 
-Em momento algum a cantora comparou homossexualidade à dependência química. O que foi relatado foram depoimentos, feitos a ela, de amigos e fãs sobre a dificuldade que sentem – quando assim o desejam – de mudar sua opção sexual e que, eles mesmos, compararam tal dificuldade à dificuldade do dependente químico.  
– Embora a religião seguida por Joelma não apoie o casamento entre pessoas do mesmo sexo, a cantora respeita e aceita a opção sexual de todas as pessoas, fãs e amigos, não tendo por ninguém preconceito de religião, sexo e cor”.
Por fim, vários sites noticiaram ao longo da semana que após as infelizes declarações de Joelma, o filme sobre a Banda Calypso, que até então terá Déborah Secco interpretando a cantora, teria sido cancelado. Segundo tais notícias, os investidores do projeto não gostaram nada de ver a cantora comparando homossexuais com dependentes químicos em uma entrevista e resolveram tirar o time de campo. Entretanto, o Facebook oficial da Banda declarou: “Via assessoria de imprensa: O filme não está cancelado, segue normalmente com previsão de gravação no segundo semestre! #EquipeBC”. Aguardemos!
Por fim.. olha esse vídeo “revoltado” contra as declarações da Joelma que achei na web… “sobra até para você” que é gay e gosta da Joelma! 😉
   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  5 de Abril de 2013 17:38

Rafinha Bastos faz piada sobre Daniela Mercury e rede de hotéis, mas não foi ele quem riu por último

por noreply@blogger.com (Valmique) 

O humorista  Rafinha Bastos, conhecido também por suas polêmicas, resolveu fazer uma piada “conectando” a revelação do casamento de Daniela Mercury com outra mulher, a homossexualidade de Freddie Mercury, ícone da banda Queen, e a rede de hotéis Mercure:
“Daniela Mercury e Fred Mercury tinham algo em comum. Ae funcionários do hotel Mercure… estamos de olho!”
Como podem ver acima, não foi ele quem levou “a melhor” ou riu por último com a piada. A rede de hotéis, atenta, respondeu: “Aqui respeitamos a diversidade ;)”
Rafinha quis render, mas não deu muito certo… a piada já tinha perdido a graça, se é que tinha alguma. Não satisfeito, hoje, ele voltou a tocar no assunto em suas redes sociais dizendo: “Hotéis Mercure, parabéns pelo respeito a diversidade! Sensacional. Agora saia do twitter e venha resolver estes problemas apontados pelos hóspedes emhttp://www.reclameaqui.com.br/ Abraço”.
A rede de hoteis aproveitou e divulgou a simpática imagem em seu facebook:
Moral da história? Não sabe brincar, não desce pro Play! Hehehe  😉
   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  5 de Abril de 2013 12:27

Casamento gay deverá ser legalizado, em breve, no Uruguai. Senado do país aprovou.

por noreply@blogger.com (Valmique) 

(Via O Tempo On Line) O Senado do Uruguai aprovou, nessa semana, a lei que autoriza o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Porém, o projeto ainda precisa ser submetido à votação na Câmara dos Deputados. 
A proposta obteve na terça-feira (2) 23 votos favoráveis de um total de 31 senadores presentes. A votação foi antecedida de sete horas de discussões. A expectativa é que a Câmara aprove a matéria nas próximas semanas, segundo especialistas.
A senadora Constanza Moreira (Frente Ampla), que integra a base aliada do governo, disse que o projeto atende aos anseios da sociedade. O senador Rafael Michelini (Frente Ampla) acrescentou que a proposta tem o sentido de “libertação” e defendeu o direito dos casais homossexuais de adotar crianças.
Se o trâmite for concluído com êxito, o Uruguai se transformará no terceiro país do continente americano a permitir a união civil entre pessoas do mesmo sexo em todo o seu território. Atualmente, Argentina e Canadá já permitem o matrimônio homossexual
Clique aqui para ler a notícia completa.    Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  5 de Abril de 2013 11:51

Axé Brasil 2013 terá camarote gay friendly

por noreply@blogger.com (Valmique) 

Nos próximos dias 12 e 13 de abril, acontece em BH o festival Axé Brasil, no Mineirão. Mas o destaque desta vez, não é “apenas” os shows de grandes artistas do gênero como Ivete Sangalo, Cláudia Leite, Ásia de Águia e Chiclete com Banana mas, também, o camarote gay friendly da UM Brasil. Isso mesmo!
O Camarote Open UM Brasil, espaço dedicado ao público gay friendly, que receberá cerca de mil convidados por dia. A ideia é proporcionar um ambiente mais amigável para estas pessoas, que adoram axé, mas muitas vezes não ficam muito tranquilas com os amigos e namorados no meio de todo mundo. 
“Vai ser o primeiro camarote friendly de uma micareta no Brasil. A proposta não é segregar ninguém, até porque todo mundo será muito bem-vindo, mas também queremos deixar nosso público mais à vontade e despreocupado”, explicaAlexandre Abreu, idealizador do espaço, que funcionará em esquema open bar (cerveja, vodka, refrigerante, suco e água) e contará, ainda, com comfort club, bares e banheiros exclusivos, além de acesso privilegiado à área reservada em frente ao palco. Os convidados do Camarote Open UM Brasil também terão acesso aos camarotes Skol e Skol Beats.
E tem mais: durante os dois dias, nos intervalos dos shows, o público do camarote contará com apresentações de DJs – Felipe Lira (RJ) toca na sexta, enquanto Caio Vita, Mitre e Babi (residentes UM Brasil) se apresentam no sábado. A propósito, para os foliões mais animados, no sábado será possível se divertir também na festa After Oficial, que acontecerá após o evento no Mineirão, na boate Revista Viva (Rua Congonhas 553, Sto Antônio), com o DJ Felipe Lira como principal atração.
VALORES – 1 DIA e PASSAPORTE 
• Por dia:  Sexta: 2º lote – R$ 210  Sábado: 4º lote – R$ 260 
• Passaporte 2 dias 3º lote – R$ 390 
PONTOS DE VENDA: • Chilli Beans (somente em dinheiro) Pátio Savassi, BH Shopping, Diamond Mall 
• Loja Ingresso Rápido (cartão) Shopping 5ª avenida – até 2x sem acréscimo no cartão 
• VENDAS ONLINE (taxa de conveniência)  INGRESSO RAPIDO – http://www.ingressorapido.com.br 
 Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  4 de Abril de 2013 12:29

Empresas brasileiras demonstram apoio ao casamento homossexual (imagens e propagandas)

por noreply@blogger.com (Valmique)

Bonafonte

Ponto Frio

Itaú

Sonho de Valsa

Contigo!

Wallmart

Halls

Com o sucesso nas redes sociais da campanha “igualdade” a favor da legalização do casamento gay nos Estados Unidos, e, consequentemente, um apoio a legalização em todo o mundo… sete empresas brasileiras seguiram o exemplo de marcas americanas e decidiram apoiar o casamento entre pessoas do mesmo sexo. 
Na última semana, quando a Suprema Corte norte-americana discutia pela primeira vez sobre o tema, o Ponto Frio, o Itaú, o Walmart Brasil, o Sonho de Valsa, o Halls Brasil, a Bonafont e a Contigo! usaram o Twitter e o Facebook para se manifestarem a favor do casamento gay. 
Em sua página no Facebook, o Itaú publicou uma versão da imagem de fundo vermelho com o símbolo matemático de igualdade, que se tornou emblema do casamento igualitário, com a seguinte mensagem: “Defender a igualdade #issomudaomundo”.
As outras marcas também publicaram suas versões do ícone da causa. O Halls Brasil disse na legenda da imagem que “o importante é cada um achar o seu par”. O Sonho de Valsa pediu por “mais igualdade e mais amor”.
Várias outras versões do símbolo também surgiram nas redes sociais. Veja abaixo! Entre as empresas americanas que apoiam o casamento gay estão o Google, o Facebook, IBM, PepsiCo, dentre outras.
EM TEMPO 1: não re relacionam diretamente com a Campanha “Igualdade”, mas o Banco do Brasil e a Natura também divulgaram, recentemente, apoio ao casamente entre pessoas do mesmo sexo. O Banco do Brasil divulgou a imagem abaixo em suas redes sociais (“todo casal tem direito à casa própria) e a Natura incluiu um casal gay em sua atual propaganda, que está sendo exibida na televisão brasileira (“toda relação é um presente”). 
EM TEMPO 2: o Muza também personalizou o seu apoio à legalização do casamento gay. Para tanto foi criada a imagem ao lado, nas cores principais do site. A nova imagem já está nos perfis do Muza no Facebook e Twitter. Caso queiram utilizar… fiquem à vontade. 


   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  3 de Abril de 2013 11:30

Daniela Mercury revela que está vivendo romance com outra mulher

por noreply@blogger.com (Valmique) 

A cantora Daniela Mercury assumiu romance lésbico. Oi? Como assim?! Isso mesmo! Daniela fez a revelação por meio do instagram. Ela divulgou várias fotos ao lado da jornalista baiana Malu Verçosa e escreveu: “Malu Agora é minha esposa, minha família, minha inspiração para cantar”.
E não é só isso:  nas fotos divulgadas mostra as duas usando um par de alianças douradas na mão esquerda. Havia especulação que as duas estavam juntas desde o início do ano.  Em 2009, Daniela era casada com o publicitário Marco Scabia, com quem terminou o relacionamento no final de 2012. 
Dentre as celebridades que se manifestaram até o momento, destaca-se Valesca Popozuda que em seu twitter publicou: “Meu Status é: Apaixonada pela Daniela Mercury que assumiu publicamente seu casamento com outra mulher! Desejo felicidades ao casal! S2”.  
Axé para o casal! 😉
   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  2 de Abril de 2013 17:41

Sábado acontece o show “Vozes do Brasil”. O Muza sorteia par de corteZia!

por noreply@blogger.com (Valmique) 
No próximo sábado, 6 de abril, acontece em BH o  Show “Vozes do Brasil”, que reunirá na sua primeira edição nada mais nada menos que 6 cantores que se destacaram na última edição do programa “The Voice Brasil”: Ludmillah Anjos, Lorena Lessa, Danilo Dyba, Gabriel Leva, Dani Morais e Maria Christina. 
O evento “Vozes do Brasil” é uma produção Simone Santos e acontecerá a partir das 22h no Music Hall (avenida do Contorno, 3239, bairro Santa Efiência”.
valor do ingresso é R$100,00. Existe uma promoção para pagar o valor de meia-entrada: 
– Para quem doar 1k de Alimento não perecível que iremos doar á uma entidade. 
–  Meia entrada válida para estudantes até 21 anos,com comprovante de matricula, maiores de 60 anos (conforme lei) com apresentação de CI e para pessoas que doarem 1kg de alimento não perecível a ser doado para entidade beneficente.
Os ponto de venda antecipado são:
– Real Vandal Graffiti – no Edifício Maleta: avenida Augusto de Lima, 233, sobreloja 21, Centro. 
– Croasonho – rua Antônio de Albuquerque, 465, loja 13, Savassi. 
Quer ganhar 1 par de cortesias para o show “Vozes do Brasil”? 
O Muza sorteia um par de corteZias para ver o show “Vozes do Brasil” que acontece no próximo sábado. Isso mesmo! Como você pode garantir o seu? Simples! Basta seguir os passos abaixo:
1- Curta a página do Muza no Facebook  2- Entre na aba “promoções”, clique eparticipe 3- COMPARTILHE PUBLICAMENTE a imagem do show que está lá.
resultado será divulgado na quinta-feira, 5 de abril. Quem ganhar tem que enviar o nome completo + número identidade até às 17h de sexta-feira para o e-mail contato@muza.com.br! Logo… fiquem ligados no horário para garantir seu prêmio!

Ganhadora promoção show “Vozes do Brasil”: Natália Junior. Nome completo + número identidade até às 17h de hoje para contato@muza.com.br. Parabéns! 🙂
People! Gostaria de esclarecer que a ferramenta “Sortei Me”- utilizada pelo Muza em suas promoções – está, constantemente, dando problemas no momento de gerar o resultado. Desta forma, caso haja algum problema na hora de gerar o resultado dessa promoção, será tomada a seguinte medida: será utlizado o “random” para gerar um sorteio. Neste caso, será colocado os nomes dos participantes de acordo com a ordem de sua adesão à promoção. Entretanto, obviamente, o participante tem que curtir a página do Muza nas redes sociais específicas e seguir todos os passos necessários. Ressaltamos ainda, que o Muza irá buscar uma nova ferramenta para fazer com que as promoções sejam mais efetivas. Contamos com a compreensão de todos. Boa sorte a todos!   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  2 de Abril de 2013 11:11

Novidades do filme sobre o pianista Liberace com Michael Douglas e Matt Damon como casal gay

por noreply@blogger.com (Valmique) 

Mais algumas novidades sobre o filme “Behind The Candelabra”, sobre o pianista Liberace, no qual os atores Michael Douglas e Matt Damon vivem um casal. Como sabemos, infelizmente, o filme não irá para os cinemas justamente porque executivos de Hollywood o “consideraram gay demias” e, então, será exibido na TV, mais precisamente no canal HBO no próximo 26 de maio.Entretanto, o fime não para de ter divulgação
Acima, você pode ver a capa da badalada revista Entertaiment Weekly sobre o filme e com o casal. Na matéria, a revista afirma que há várias cenas de sexo entre eles e sobre elas, eles declararam fazer um momento de paixão é sempre difícil e não importa quem está envolvido. “A cena que esotu atrás dele, nós fizemos em uma tomada”, revelou o ator Matt Damon.
Também foi liberado um novo teaser do filme, desta vez, com cenas dos dois. Abaixo, aperte o play! 
   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  1 de Abril de 2013 17:30

Para rir ou chorar? Veja os vídeos: “trollei minha mãe fingindo que era gay” e “trollei meu pai fingindo que era hétero”

por noreply@blogger.com (Valmique) 

Não é regra, mas uma das coisas que mais gosto nos gays é o senso de humor, mesmo quando a situação é tensa. 
Na última semana o internauta Rafael Araujo, que se define como uma pessoa que tenta fazer “uma comedia boba e barata”, divulgou na web o vídeo “trollei minha mãe fingindo que era gay, olha oque deu”. No vídeo, como o nome sugere, ele finge que é gay para a mãe e registra tudo no vídeo. Ele consegue fazer um papel divertido, ao dizer que o tal namorado é o amor de sua vida e ao pedir sua mãe para esperar ele terminar a ligação para explicar, já que ela cobra uma explicação diante do “espanto”. A reação da mãe é uma das piores possíveis, ela avança no filho e começa a bater nele.  O vídeo até rendeu um bordão no qual o Rafael, apanhando diz: “Que mundo é esse que ninguém escolhe a sexualidade”. O vídeo já teve mais de 4 milhões de visualizações.
Com certeza não é possível apenas rir vendo o vídeo, mas se objetivo era rir, o ator Tiago Costa fez uma paródia do mesmo com a proposta inversa: “trollei meu pai fingindo que era hétero, olha o que deu”. No vídeo, hilário, ele diz que vai assumir o filho com a tal Vanessa e o pai, como a mãe no vídeo original, bate nele e ele diz o bordão: “Que mundo é esse que ninguém escolhe a sexualidade”.
Apertem o play e chorem… ou riam! 😉

Dica do Flavimar Diniz.  Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  1 de Abril de 2013 12:52

Hoje é dia de programa do Muza na rádio UFMG Educativa

por noreply@blogger.com (Valmique) 

People! Como sabem, o Muza está com um programa semanal na Rádio UFMG educativa: Momento Muza! Isso mesmo! A locução é do jornalista responsável pelo Muza, o Valmique
Logo mais, às 14h30, sintonize na frequência 104,5 FM ou acesse o site da rádio e como cantaria Madonna… Turn Up The Radio! 😉
Comentários, críticas e sugestões são super bem-vindos! Quer enviar sugestão de assunto ou música? Envie e-mail para contato@muza.com.br e coloque no assunto “rádio’. Ou simplesmente, deixe seu comentário abaixo!
Hoje farei uma reflexão sobre as declarações feitas pela Joelma, do Calypso, contra os homossexuais: 
“O que Joelma disse é desrespeitoso tanto com seus fãs gays quanto aos cidadãos brasileiros… as pessoas – sobretudo as consideras ´públicas´ – devem refletir sobre o que elas dizem. Será que o que eu estou dizendo é inoportuno? Será que estou contribuindo, com essa fala, para a exclusão e o preconceito?”
Na imagem acima, uma ideia do que você vai ouvir na edição de hoje! 😉
 Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  31 de Março de 2013 15:04

Joelma “explica melhor” suas declarações contra os homossexuais. Mas já diz o ditado, quanto mais mexe…

por noreply@blogger.com (Valmique) 
A cantora do Calypso, Joelma, após ter feito infelizes declarações contra os homossexuais  – nas quais foi possível perceber um mix de religião, alienação e preconceito- foi procurada pelo site Ego para “esclarecer” tais declarações. Mas sabe aquela história de quanto mais mexe… então: foi exatamente isso, infelizmente. Abaixo, as declarações dela ao site: 
“Estou decidida a entrar com um processo contra a revista se não colocarem como eu falei. Falei que sou contra o casamento gay, mas meus melhores amigos são gays. Meu maior confidente é gay”. 
“O que eu contei é que meus fãs gays dizem para mim que é uma luta diária. Um deles me deu um exemplo dizendo que foi muito difícil, mas que ele conseguiu sair dessa luta, que é como se livrar das drogas. Eu nunca diria que os gays são iguais aos drogados”. 
“Sou contra porque minha religião não permite. Por isso eu não quero que meu filho seja gay” 
“Não posso julgar ou criticar porque a vida é de cada um. Mas sou contra o casamento gay. Seria o mesmo que eu concordasse que meu filho gay se casasse. Uma mãe quando sonha coisas para o filho só sonha coisas boas”. 
“Quando a gente não pode, Deus pode. Quando a gente não consegue Deus consegue. Fui curada de um câncer na garganta. Depois, ainda tive uma queda que fraturei a coluna e deveria ter ficado na cadeira de rodas, mas uma oração me curou”. 
“Teve um que contou chorando que a mãe o colocou para fora de casa. Acompanho esse sofrimento. A gente não deve julgar. Não quero ofender ninguém. Mas se acontecesse perto de mim, nunca colocaria para fora de casa ou trataria como se não fosse família. Tem que lutar junto, estender a mão” 
“Se eu fosse homofóbica, não teria amizade com gay. O que eles fazem é problema deles, não tenho nada com isso. Não fiz nada para agredi-los e não tenho esse direito”  
“Uma mãe jamais vai aceitar um filho ladrão ou drogado, mas jamais vai deixar de amá-lo por causa disso. Ela vai querer fazer de tudo para que ele dê certo. Se eu vejo que tem saída… Conviver com o erro da pessoa é uma coisa, mas incentivar o erro é errado. Você tem que aceitar, amar, tratar bem, mas não dizer para a pessoa fazer”.
Para finalizar, Joelma disse ao site que aprendeu muitas coisas com os homossexuais: como fazer o cabelo e se maquiar. Pelo menos pra isso os pecadores servem né? Af!
Não é demais lembrar que em agosto do ano passado, vazou um vídeo no qual Joelma dizia para um fã gay que ele deveria se converter, virar homem e, com isso, iria agradar e orgulhar seus pais e papai do céu. Clique aqui para rever.
Amanhã, convido vocês a ouvirem o programa do Muza na Rádio UFMG Educativa (104,5 Fm), às 14h30, no qual farei uma crítica reflexiva sobre as declarações de Joelma.     Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  31 de Março de 2013 14:15

Feliz Páscoa!

por noreply@blogger.com (Valmique) 
   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  30 de Março de 2013 17:06

Joelma do Calypso: contra casamento gay, compara gays com drogados e diz que se tivesse filho homossexual buscaria conversão

por noreply@blogger.com (Valmique) 
Em entrevista ao colunista Bruno Astuto, da Revista Época, a cantora Joelma fez infelizes declarações sobre os homossexuais. A cantora do Calypso converteu-se à religião evangélica há quatro anos.
Ao ser questionada sobre ter vários fãs gays declarou: “Tenho muitos fãs gays, mas a Bíblia diz que o casamento gay não é correto e sou contra”. 
Ao ser perguntada sobre ter um filho gay, foi mais enfática: “lutaria até a morte para fazer sua conversão… Já vi muitos se regenerarem. Conheço muitas mães que sofrem por terem filhos gays. É como um drogado tentando se recuperar”.
Ela afirmou ainda, que as roupas e atitudes sexy não destoam da fé. “Uso aquelas roupas curtas e rebolo, mas, quando falo de Deus, todo mundo entende”. 
No mínimo, lamentável. E não confundam liberdade de expressão com preconceito, ok? 

32 minutos atrás

Santa Catarina: Beijaço é organizado em repúdio a agressão de jovem gay em boate de Balneário Camboriú

por noreply@blogger.com (EUCLIDES VIEIRA DE SANTANA)
 

Santa Catarina: Beijaço é organizado em repúdio a agressão de jovem gay em boate de Balneário Camboriú

por mark vynny No próximo sábado (13) será realizado em Balneário de Camboriú, em Santa Catarina, um beijaço em repúdio a agressão sofrida pelo rapaz André Barbosa, de 22 anos, por seguranças da boate 2ME. > Jovem gay é espancado por seguranças após dar beijo em boate de Balneário Camboriú “Não podemos ficar de braços cruzados, vamos mostrar que o preconceito não leva a lugar algum e que estamos indignados”, diz o comunicado na página do grupo LGBT Amigos & Tribos no Facebook. O local escolhido para o beijaço será na Avenida Atlântica, 5200, em frente à boate 2ME, às 21h. O caso de André ainda segue sob investigação. A vítima alega que o motivo da agressão foi homofobia. Segundo o jovem, ele estava beijando um outro rapaz quando os seguranças se aproximaram e pediram para que ele parasse, chamando-o de “viadinho de merda”. A boate 2ME nega que tenha ocorrido homofobia e afirma que tudo começou com um “empurra-empurra” na pista. De acordo com a casa, um dos seguranças se aproximou da confusão e levou uma garrafada na boca. fonte: A Capa   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  uma hora atrás

Minas Gerais: Torcedores do Atlético criam grupo para combater a homofobia no futebol

por mark vynny Galo QueerTorcedores do Atlético Mineiro criaram o Galo Queer, um movimento que tem como objetivo combater a homofobia e o sexismo na torcida alvinegra e nos estádios. O grupo tem até brasão com as cores do arco-íris. Na página do grupo, está escrito: “Galo Queer é o movimento anti-homofobia e anti-sexismo no futebol dos torcedores do Atlético Mineiro, vulgo Galo Doido. Porque paixão pelo Galo não tem nada a ver com intolerância.” Eles esperam que as torcidas de outros times façam o mesmo. Muita boa esta iniciativa. fonte: MixBrasil   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  uma hora atrás

Estados Unidos: Desfile, festivais e festas marcam mês de eventos gays em Miami

por mark vynny Programação inclui Parada do Orgulho Gay, eventos na praia e caminhada. Filme de diretor brasileiro será exibido em festival de cinema temático. Parada Gay Miami 2012Abril é o mês do público gay em Miami. Festas, um desfile que celebra o Orgulho LGBT, um festival de cinema temático e uma caminhada de conscientização sobre a Aids são algumas das atividades previstas na cidade americana até o dia 28. A programação começou com o evento Miami Beach Gay Pride (Orgulho Gay de Miami Beach), inaugurado no último dia 8 com o hasteamento das bandeiras do arco-íris na prefeitura. Neste sábado (13), haverá festas na praia e em casas noturnas e clubes. No dia 14, a Parada do Orgulho pretende reunir toma conta da mais de 60 mil participantes na avenida Ocean Drive. prefeitura de MiamiPara os turistas que preferem a programação cultural, estreia amanhã (12) a peça de teatro “Jeffrey”, que relata a história de um personagem que descobre ter Aids na década de 1980. No fim do mês, em 26 de abril, começa o Festival de Cinema Gay e Lésbico de Miami, que se estende até 5 de maio. Além de filmes internacionais como “Geography Club”, “Who’s Afraind of Vagina Wolf?”, será exibido “Tudo Que Deus Criou”, do diretor brasileiro André da Costa Pinto. O último evento, no dia 28, será a 25ª edição da AIDS Miami Walk, uma caminhada voltada ao combate da doença e à arrecadação de fundos para entidades. fonte: G1   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  uma hora atrás

Joelma fala sobre declaração polêmica: ‘Jamais tratei um gay mal, trato todos igual’

por mark vynny Roberto Justos e JoelmaEm entrevista ao apresentador Roberto Justus, a cantora Joelma, da Banda Calypso, falou sobre a polêmica em que se envolveu ao comparar homossexuais a drogados. “Não vou baixar minha cabeça, tirar minha alegria. Já esclareci. Meus amigos gays e fã clube ficaram a meu favor. Jamais tratei um gay mal, trato todos igual. Tirei uma lição disso: de não tratar de coisas íntimas com quem não conheço. Minha consciência está tranquila, porque não fiz. Não vou pagar por uma coisa que eu não cometi”, afirmou. A conversa vai ao ar no programa “Roberto Justus +” da próxima segunda-feira. fonte: Extra  Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  6 horas atrás

Minas Gerais: Skinhead acusado de três agressões a homossexuais está na mira da polícia

por mark vynny O jornal Estado de Minas publicou uma reportagem sobre Antônio Donato Baudson Peret, de 24 anos, skinhead que teria agredido vários homossexuais e um morador de rua, e que está sendo procurado pela polícia. Antônio Donato Baudson Peret violentando mendigoAntônio postou na internet uma fotografia dele enforcando um morador de rua com uma corrente de ferro. A agressão teria acontecido no bairro Savassi, em Belo Horizonte. Ele se identifica skinhead e responde a três processos na Justiça por crimes contra homossexuais. O Ministério Público Estadual começou a analisar ontem um pedido de providências contra Antônio. A Polícia Civil está levantando a participação do suspeito em crimes de agressão contra gays e moradores de rua atribuídos a um grupo de skinheads que ataca na Savassi e na Praça da Liberdade, na mesma região da capital. De acordo com a Polícia Civil, Antônio Donato já se envolveu em três ocorrências de agressão contra homossexuais. O caso mais grave ocorreu em 7 de setembro de 2011, quando ele, então com 23 anos, foi preso com um adolescente de 17 por espancar com chutes e soco inglês um casal gay na Praça da Liberdade. Uma das vítimas. G. H. S. H., de 18 anos, foi chamada de “gay safado” e ainda levou um golpe de canivete no ombro direito. Ao cometer o crime, Antônio Donato teria dito que não tolerava gay. O caso foi encaminhado à Delegacia de Orientação e Proteção à Criança e ao Adolescente (Dopcad) e depois ao Juizado Especial da Juventude. No entanto, segundo a assessoria do Fórum Lafayette, não há nenhuma movimentação processual em relação a esse crime. Em 15 de abril de 2011, Donato e outros três rapazes se envolveram em outro crime de lesão corporal ao atacar um adolescente de 16 anos na Avenida Getúlio Vargas, na Savassi. O garoto disse que foi agredido sem motivo algum, com socos na barriga e na boca. O caso foi levado ao Juizado Especial Criminal. Os comparsas de Peret aceitaram uma transação penal e pagaram três meses de prestação de serviços gratuitos à comunidade, por injúria, ameaça e lesão corporal. Como Antônio Donato não aceitou, seu caso ainda está para ser julgado. A última audiência foi em 19 de março. O terceiro crime foi em 5 de janeiro de 2009, também na Savassi, e teve como vítima um homossexual de 19 anos. O processo foi arquivado sem ser julgado, segundo a assessoria do Tribunal de Justiça. fonte: Cena G   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  6 horas atrás

Rússia: Presidente nega que homossexuais sejam perseguidos

por mark vynny Vladimir PutinO presidente da Rússia, Vladimir Putin, defendeu em Amsterdã, na Holanda, o tratamento dispensado por seu país aos homossexuais, mas foi confrontado por cerca de mil ativistas da causa gay, tocando música em alto volume e agitando balões rosa e laranjas. Putin foi recebido na Holanda pela rainha Beatrix e pelo primeiro-ministro Mark Rutte, e viu empresas russas assinarem vários acordos energéticos. Numa decisão criticada no Ocidente, o Parlamento russo aprovou em primeira votação uma lei que proíbe a “propaganda homossexual” voltada para menores. Mas Putin negou que haja perseguições. “Na Federação Russa – tanto que isso está claro para todos -, não há infração aos direitos das minorias sexuais”, disse ele. “Essas pessoas, como todas as outras, desfrutam dos mesmos direitos e liberdades”, disse Putin em entrevista coletiva em Amsterdã. Muitas casas e pontes no bairro histórico de Amsterdã tinham cartazes e bandeiras do movimento gay. Antes, na Alemanha, Putin riu de três manifestantes do grupo Femen, que protestava com os seios nus contra a detenção de integrantes da banda punk feminina Pussy Riot. As moças foram afastadas por seguranças que acompanhavam Putin na visita a uma feira comercial em Hanover. “A respeito dessa performance, eu gostei”, sorriu Putin posteriormente, em entrevista ao lado da chanceler (primeira-ministra) Angela Merkel. “Não entendi o que elas estavam gritando, nem vi se eram loiras, morenas ou ruivas.” fonte: Cena G   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  8 horas atrás

Maria Clara Spinelli, a Anita de ‘Salve Jorge’: ‘Minha profissão é ser atriz e não transexual’

por mark vynny Maria Clara SpinelliTão logo surgiu em “Salve Jorge” como Anita, transexual que sonha em ganhar uma operação de mudança de sexo e cai na lábia da malvada Wanda (Totia Meirelles), Maria Clara Spinelli viu que seu “segredo” estaria exposto para todo o país. Não que ela se envergonhe, claro. Ocorre que, como sua personagem, a atriz já passou pela angústia de estar presa a um corpo diferente de sua orientação sexual. Para resolver o problema, Maria Clara passou pelo procedimento médico de readequação de gênero e hoje não deve mais ser considerada uma transexual. É uma mulher – inclusive nos documentos – cheia de sonhos e com muita vontade de trabalhar. Tão confortável está a artista com sua atual condição que quando estreou no cinema, como uma das protagonistas do longa “Quanto Dura o Amor?”, causou surpresa em boa parte da crítica, que se quer desconfiou que a bela mulher havia nascido num corpo de rapaz. Moradora de Assis, no interior de São Paulo, Maria Clara se divide entre o trabalho de funcionária pública e o teatro. Discreta, evita dar detalhes sobre a cirurgia de readequação sexual (“Foi a long time ago, sweet…”) e se prepara para encarar cenas fortes na trama das nove. Na próxima semana, Anita desembarcará no exterior e será recebida por Russo (Adriano Garib). Ao descobrir que caiu numa cilada, será agredida pelo bandido. Além disso, Maria Clara pode se considerar uma pioneira. É a primeira ex-transexual a ganhar um papel fixo numa novela das nove. fonte: iG  Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  9 horas atrás

Transexual Fallon Fox causa divergência no MMA feminino

por mark vynny Lutadoras e organizadores de eventos nacionais divergem sobre transexual no MMA feminino Fallon Fox 03O caso da lutadora americana Fallon Fox, que tem causado polêmica nos Estados Unidos, também tem sido acompanhado pelos brasileiros. As opiniões divergentes refletem a complexidade da situação. Para uns, a atleta transexual, que tem duas vitórias em dois combates no MMA profissional, leva vantagem ao enfrentar mulheres por ter nascido homem. Para outros, ela é do sexo feminino como qualquer outra. O blog Mano a Mano procurou as lutadoras da Team Nogueira, Ana Maria Índia e Duda Yankovich, e os organizadores do Jungle Fight e do Bitetti Combat, Wallid Ismail e Amaury Bitetti, respectivamente, para comentar o caso. Duda não vê nenhum problema na participação de Fallon Fox no MMA feminino e garante que enfrentaria uma lutadora transexual da mesma forma que enfrentaria atletas que já nasceram como mulheres. “Eu não sou expert para falar sobre isso. Mas suponho que transexual é uma pessoa que nasceu como homem, mas que quis ser mulher e fez a cirurgia para virar aquilo que a natureza da pessoa é. Elas já nasceram com o sexo oposto dentro de si. É óbvio que é uma mulher. Se ela fosse travesti, talvez não seria conveniente, mas transexual não vejo problema”, – disse. “Para mim ela não é uma transexual, é uma mulher, independente da forma que ela chegou para ser mulher. Certamente tem mulher que toma muito mais hormônio (masculino) e ninguém fala nada por ser mulher. Para virar transexual tem que tomar muitos hormônios femininos. Eu lutaria, não vejo nenhuma razão para não lutar. Com certeza existem mulheres que tomam muito mais hormônios masculinos e competem” – afirmou Yankovich. Porém, sua companheira de equipe, Ana Maria Índia, discorda de forma veemente da aceitação de transexuais em lutas femininas pelos eventos de MMA. “Primeiro, que não é ela. Ela é ele. O fato de ela querer ser mulher, não quer dizer que ela é. Ela é homem. Os hormônios, a caixa dela, todo o metabolismo, musculatura, é de homem. Não vai ser de mulher. É diferente. Ela já é bombada naturalmente. Não precisa tomar nada para ganhar testosterona. Isso muda a força. Não acho justo. Só porque a menina é sapatão vai lutar entre os homens?” – disparou Índia. A lutadora, que vai disputar a seletiva do ADCC no dia 20 de abril, no Maracanãzinho, declarou que, mesmo assim, enfrentaria uma transexual, caso algum evento casasse o duelo, mas fez ressalvas. “Eu enfrentaria. Não acho certo, mas aceitaria. Se ela estiver do outro lado, enfrento. Só não acho certo o evento aceitar porque senão quem quiser usar testosterona poderia. A produção de testosterona é diferente. Isso aumenta a explosão, a força, um monte de coisas. Se ela estiver lá, tranquilo, é o que tem. Não acho certo o evento aceitar. Então que se crie uma categoria só de transexuais” – concluiu. A “Rainha de Espadas”, como Fox é conhecida, tem luta marcada para o dia 24 de maio, pela semifinal do GP de pesos pena do Championship Fighting Alliance (CFA), contra Alliana Jones, que já declarou publicamente que aceita enfrentá-la. Entretanto, a situação ainda está sendo avaliada pela Comissão de Boxe da Flórida, que estuda a situação para saber se vai conceder a licença para que o combate aconteça. Organizadores de eventos no Brasil também têm opiniões contráriasWallid Ismail, organizador do Jungle Fight, e Amaury Bitetti, que conduz o Bitetti Combat, também comentaram a situação de Fallon Fox para o blog e se posicionaram de forma diferente sobre o caso. Para Wallid, caso aparecesse uma transexual para lutar no Jungle, ele aceitaria, mas colocaria para atuar na categoria masculina. Todavia, ressaltou que caso um médico comprovasse que o fato da atleta ter nascido homem não lhe daria vantagem contra mulheres, mudaria de ideia. “É difícil de analisar, tenho que ver direitinho. Tem que ver geneticamente. Eu não sou médico, mas se ela tiver força de homem, tem que lutar com homem. Se os hormônios forem masculinos, tem que lutar na categoria masculina. Eu colocaria para lutar, mas, se geneticamente nasceu homem, lutaria entre os homens. Acho que todos têm que ser tratados iguais. Sou totalmente contra o preconceito, qualquer coisa. Até mesmo pela minha origem.” “O mais importante é a atitude. Opção sexual cada um tem a sua. Se me perguntassem (se aceitaria no Jungle), se nasceu homem, com hormônio masculino, lutaria na categoria de homem. Isso no meu ponto de vista, mas eu não sou médico. Se o médico chegar e falar que tem hormônio feminino, tudo feminino, então é uma mulher, mas se vem com níveis de testosterona masculinos, sem dúvida o homem é fisicamente mais forte que a mulher” – explicou. Wallid ainda criticou a postura de Matt Mitrione, que foi suspenso pelo UFC após ofender Fallon Fox, a quem chamou de “nojenta, sociopata e mentirosa”, entre outras coisas. “Ele não tem que ficar criticando. Quem tem que criticar é o dono do evento que a pessoa luta. Não pode lutador de outra organização criticar um lutador que não faz parte da mesma organização. Uma coisa tem que ficar bem clara: o MMA é um esporte como outro qualquer. No futebol, no vôlei, têm homossexuais, e no MMA também tem.” “Cada um na sua. O que vale na pessoa é o caráter e a dedicação, independente da opção sexual. Aquele que trata pela cor, opção sexual, que tem um preconceito com isso, esse cara hoje em dia está por fora geral” – disse. Já para Amaury Bitetti, Fallon Fox poderia lutar tranquilamente pela categoria feminina no Bitetti Combat. Ele ainda brincou sobre a possibilidade de uma transexual ter mais testosterona que as outras mulheres e também criticou a atitude de Mitrione, dando razão ao UFC em suspendê-lo. “Ela quis virar mulher, então não tem problema nenhum. É até bom que ela tem mais testosterona que as outras meninas (risos). Aceitaria, sem nenhum problema. Não teve a Edinanci no judô, que falavam que era homem e mulher? Isso é normal. O cara já veio ao mundo daquele jeito. Ou vem homem ou mulher, mas às vezes tem homem que quer vir mulher. Acho que o Matt Mitrione falou demais. Dana White agiu certo. Quem fala demais, paga pela língua” – finalizou. fonte: Terra Magazine   Compartilhar  Marcar como não lido  Curtir  9 horas atrás

Uruguai: País se torna segundo país da América do Sul a aprovar o casamento gay

por mark vynny Foi aprovado na noite dessa última quarta (10) a legalização do casamento gay no Uruguai. A Câmara de Deputados do país aprovou o projeto de lei, que já havia passado pelo Senado, por 92 votos a favor e 71 contra. O projeto seguirá para as mãos do presidente Jose Mujica, que deve sancionar a lei nos próximos dias. Com isso, o Uruguai se torna o segundo país da América do Sul a aprovar o casamento entre pessoas do mesmo sexo, ao lado da Argentina. De acordo com os prazos estabelecidos pelo projeto, os primeiros casamentos poderão ser realizados a partir do mês de julho. A partir de agora não será mais necessário identificar “marido” e “mulher” nos registros de casamento, tratando os noivos apenas como “partes contratantes”. Além disso, a lei permite que casais estrangeiros se casem no Uruguai com base nas novas regras e que qualquer tipo de casal adote filhos ou faça fertilização in-vitro. fonte: A Capa